We’ve expanded well beyond our flagship technology research to provide senior leaders

Featured Insights

Contact Us

Saiba como evitar os calotes

Conheça as medidas que você pode tomar para evitar essa situação.

20 de janeiro de 2022
Pessoa segurando sacolas e smartphone.

Já falamos aqui sobre as vantagens de ter uma conta digital, mas você sabe o que ela pode representar na vida de um revendedor do Grupo Boticário?

Trabalhar com revenda muitas vezes envolve vender para pessoas próximas – amigos, parentes, colegas de trabalho… Porém, o que fazer quando os entes queridos não pagam pelos produtos entregues?

Separamos algumas dicas para você não só evitar os calotes mas também potencializar as suas vendas!

Ofereça várias opções de meios de pagamento

Cartão de crédito e débito, boleto, link de pagamento, PIX, transferência… Não importa a forma que o cliente quer pagar, é importante que você aceite. 

Assim, fica mais fácil de driblar o “depois a gente acerta”.

Com a Minha Revenda Digital, a conta digital do Grupo Boticário, você pode oferecer todos esses meios de pagamento! Legal né?

Conheça as vantagens de cada meio de pagamento e a situação de cada cliente

O cliente tem pressa para fechar a venda? PIX é uma ótima escolha – a transação leva em média 10 segundos.

O cliente está mais apertado esse mês mas ainda assim quer fazer a compra? Uma venda no cartão de crédito parcelado é o que vai melhor atender às suas necessidades.

Fez a venda pelo WhatsApp e o cliente quer pagar no cartão? Sem problemas, é só enviar um link de pagamento para ele!

Entenda o momento de cada cliente e isso vai te ajudar não só a fechar a venda mas também fazer com que ele volte a comprar de você.

Evite a venda fiada

Mesmo seguindo os passos anteriores, provavelmente ainda terão clientes que vão pedir para “pendurar” a conta. Se você decidir aceitar, crie mecanismos para evitar futuros problemas.

Você pode pedir que ele deixe um “sinal”, ou seja, pague pelo menos parte do valor antecipadamente como uma forma de garantia que a conta será paga por completo depois. Você também pode estabelecer um tipo de “contrato” com o cliente para que ele se comprometa com a regularização.

Mantenha a gestão dos produtos que foram entregues e a dos que foram pagos, separadamente

Pode ser no caderninho, em algum app de organização pessoal ou até mesmo numa planilha. O importante é que você mantenha o controle do que foi somente entregue e do que foi de fato vendido.

Crie uma rotina de lembretes para cobrar os clientes que ainda têm débitos com você. Quanto mais o tempo passar, mais difícil será cobrá-lo. Por isso, tente regularizar as contas dentro de um prazo que você consiga manter o controle – por exemplo: dentro de 30 dias.

O que achou dessas dicas? Coloque elas em prática e tenha ainda mais sucesso em suas vendas!

Compartilhe em suas Redes Sociais: